Banco ABC (ABCB4) pagará R$ 105 milhões em juros sobre capital próprio

135

O banco ABC Brasil (ABCB4) comunicou o mercado que o seu conselho de administração aprovou a distribuição de juros sobre capital próprio (JCP) no valor de R$ 105,096 milhões, equivalente a R$ 0,4910 por ação. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (20).

A pagamento do ABC Brasil irá acontecer no dia 14 de janeiro de 2020 e irá levar em conta os investidores que tiverem a ação no dia 30 de dezembro deste ano. Após o dia 1º de janeiro, as ações serão negociadas em ex-JCP.

Diretor vice-presidente do ABC Brasil, Sérgio Lulia Jacob e Gustavo Machado (Diretor de Negócios Digitais no Banco ABC Brasil)
Diretor vice-presidente do ABC Brasil, Sérgio Lulia Jacob e Gustavo Machado (Diretor de Negócios Digitais no Banco ABC Brasil)

Resultado do terceiro trimestre

O Banco ABC Brasil divulgou seu balanço do terceiro trimestre deste ano, no dia 6 de novembro. De acordo com o banco, o lucro líquido contábil foi de R$ 130,5 milhões, uma alta de 12,4% na comparação anualizada.

Desconsiderando os eventos não recorrentes, o lucro líquido contábil do Banco ABC foi de R$ 123 milhões. Uma alta de 5,9% na comparação com o mesmo período de 2018. Se comparado com o segundo trimestre deste ano, o resultado sofreu uma queda de 1,7%.

Segundo a instituição financeira, isso poder ser explicado pelo “aumento das despesas com Provisão para Devedores Duvidosos (PDD); e a diminuição da receita de serviços, principalmente na linha Fees com Mercado de Capitais e M&A”. A queda foi compensada por uma margem financeira mais sólida.

Na análise do acumulado do ano, o volume atingido foi de R$ 382,8 milhões, frente a R$ 336,3 milhões dos primeiros nove meses do ano passado. Um crescimento de 13,8%.

O Retorno Anualizado sobre Patrimônio Líquido (ROAE) recorrente foi de 12,5% no período de julho a setembro. Equivalente a uma redução de 0,5% em relação ao 2T19 e de 0,8% na comparação com o mesmo período do ano passado. Já o ROAE contábil foi de 13,3% no trimestre.

O Banco ABC divulgou que a Carteira de Crédito Expandida terminou o trimestre com o saldo de R$ 28,2 bilhões, alta de 4,3% em relação ao trimestre anterior. A categoria Corporate se destacou pela alta de 8% no trimestre e de 25,6% em 12 meses.

A Carteira de Empréstimos, de acordo com o Banco ABC, mostrou-se com um desenvolvimento sólido no trimestre, elevando em 11,4% seu crescimento em relação ao trimestre anterior e 22,2% em relação ao mesmo período do ano passado.

Fonte: Suno Research