Ação da Oi (OIBR3) sobe 2,27% e já acumula alta de quase 5% em 2020

57

A ação da Oi (OIBR3) subiu 2,27% nesta terça-feira (14), os papéis da operadoras fecharam o pregão sendo cotados a 0,90 centavos.

No ano de 2020 as ações da Oi já acumulam alta de quase 5%. Com a venda dos 25% de participação na operadora de telefonia angolana Unitel que pode ocorrer a qualquer momento, a companhia poderá reforçar ainda mais o seu caixa para seguir com sua estratégia de investimentos, consequentemente os impactos serão visíveis na cotação de seus papéis na bolsa.

Oi (OIBR3)
Oi (OIBR3)

Para resolver no curto prazo os problemas de liquidez, a Oi emitiu R$ 2,5 bilhões em debêntures, com prazo de 24 meses e garantias fornecidas pela Oi Móvel. A remuneração das debêntures de 12,66% e 13,61% em dólar são valores elevados, mas condizentes com a situação da da empresa, que tem dificuldades para se financiar.

Recentemente em comunicado ao mercado, a companhia informou que receberá da Sistel um valor de R$ 669 milhões, pagos em 36 parcelas mensais, a venda de alguns imóveis também tem reforçado as finanças da empresa.

Uma vez confirmada a venda da participação na Unitel, as ações da Oi que vem sendo duramente castigadas pelo mercado nos últimos anos, tendem a passar por uma grande valorização.